Serviços online são mais baratos no Brasil, afirma estudo comparando 156 países

jbareham 191104 0970 streaming 0001.0
Entre 156 países, pesquisa revela que Brasil tem os menores preços para serviços de online e de streaming

Você faz ideia de como são os preços de vários tipos de serviços online e de streaming (vídeo, música, games) em diferentes países do mundo? Uma pesquisa feita pelo site VPNpro reuniu dados sobre os valores destes tipos de serviços em 156 países e o relatório aponta que, em termos de valores absolutos, o Brasil é o país com os menores preços.

Principais resultados do relatório

As principais conclusões obtidas pelo relatório da VPNpro são:

  • Brasil, Argentina e Índia são os países mais baratos: o Brasil está entre os países mais baratos em 9 de 10 serviços (8 de 10 para a Argentina e 7 e 8 para a Índia, que não possui Twitch e Nintendo).
  • Suíça, Dinamarca, Alemanha e Áustria são os países mais caros: estes países aparecem como os mais caros para 10 de 10 serviços.
  • Países da América do Sul (em particular o Brasil e Argentina) possuem os menores preços em jogos eletrônicos:
    • Games da Nintendo e PlayStation são 27% e 42% mais baratos no Brasil, respectivamente e em relação à média global
    • Games de Steam e Xbox são 49% e 62% mais baratos na Argentina, respectivamente e, também em relação à média global
  • Apesar de serviços online serem mais baratos em países com PIB per capita menor, eles normalmente são mais caros como uma porcentagem do PIB per capita. Por exemplo:
    • Mesmo custando o mesmo valor, a Netflix é 50 vezes mais caro em Zimbábue (0,2876% de PIB per capita) do que no Qatar (0,0058% do PIB per capita)
    • O Spotify é um pouco mais barato na Nicarágua (US$5,99) do que em Cingapura (US$7,11), mas é na verdade 17 vezes mais caro (0,1131% e 0,0067% de PIB per capita, respectivamente)
    • Jogos online da Nintendo são mais baratos no Brasil (uma média de US$49,12 dos maiores três títulos), mas eles são o quarto produto mais caro em termos de porcentagem de PIB per capita (4,5 vezes mais caro do que em Luxemburgo).
    • Em média, os jogos online da PlayStation são caros em Luxemburgo, mas sua loja digital é uma das mais baratas – 3 vezes mais barata que na maioria dos países que utilizam o dólar americano como moeda.
    • Irlanda e Grécia possuem preços idênticos para jogos online de Xbox, mas para os gregos eles são 3 vezes mais caros como uma porcentagem do PIB per capita.
    • Os Estados Unidos, em termos de padrões de vida, em geral possuem um preço barato para serviços online.

Preços de serviços de streaming de vídeo

Os resultados apontam que a América do Sul é o local onde a Netflix é mais barata, especialmente Brasil ou Colômbia.

Preços de serviços de streaming de música

O país da União Europeia em que o Spotify Premium é mais barato é na Hungria, porém ele é o dobro desse preço na França.

Preços de games

Surpreendentemente, o Brasil é o país onde os games da Nintendo, PlayStation, Steam e Xbox são mais baratos.

A diferença de preços entre os países

As empresas empregam a estratégia de discriminação de preços, em que um mesmo produto pode receber preços diferentes conforme o mercado em que está sendo vendido. E, quando se tratam de serviços digitais, as empresas normalmente cobram preços diferentes com base em questões nacionais e regionais. A variação de preço decorre de acordo com pesquisas de mercado que dependem de vários fatores, como renda média dos consumidores, dados demográficos, popularidade do produto, etc.

Porém, essa diferença entre os preços pode levar outros pontos em conta. Se você observar as diferenças significativas entre os serviços do Amazon Prime nos Estados Unidos e na Índia, fica claro o porquê de seus valores serem desiguais. Ainda é preciso levar em conta que as empresas podem utilizar até mesmo uma espécie de “bloqueio geográfico”, um método popular que possibilita a discriminação de preços. Mesmo essa prática sendo proibida dentro da União Europeia, alguns conteúdos da Netflix protegidos por direitos autorais, por exemplo, são isentos desse tipo de proibição.

Fonte: VPNpro

Adicionar Comentário

Clique aqui para postar um comentário