Os smartphones mais vendidos do 3° trimestre de 2019

iPhone XR
Lista é dominada por smartphones intermediários, mas primeiro lugar segue com a Apple e o iPhone XR; confira o ranking
Anúncio
Samsung  campanha  Connected Living para promover conectividade de produtos  do lar

A Counterpoint Research divulgou uma pesquisa de mercado sobre as vendas de smartphones no 3° trimestre de 2019. A lista com os 10 aparelhos mais vendidos traz algumas surpresas, como 3 modelos da linha Galaxy A da Samsung, e 3 modelos da Oppo, graças a sua forte presença no mercado asiático. A Apple seguiu com o sucesso do iPhone XR, e conseguiu emplacar seu mais novo lançamento na lista dos mais vendidos.

O iPhone XR foi o modelo mais vendido globalmente no terceiro trimestre de 2019, capturando 3% do mercado, e deixando o novo lançamento da empresa apenas na quinta posição. De fato, exceto no trimestre de lançamento em setembro de 2018, o iPhone XR tem sido o modelo mais vendido globalmente em todos os trimestres desde o quarto trimestre de 2018. Só os números do iPhone XR contribuíram com mais de um quarto do total de vendas da Apple durante o trimestre, tornando-o o modelo mais vendido da Apple em todas as regiões do mundo.

A Apple também ajustou o preço do iPhone XR na China e em vários outros mercados, o que ajudou a manter a demanda forte durante o trimestre. A empresa também tem reforçado o seu sistema de trade-in, o que tem ajudado a manter seus números subindo. O iPhone 11 estreou na quinta posição do top 10 no trimestre de seu lançamento. E a tendência é que esses números continuem subindo para o próximo trimestre.

O iPhone 11 ficou na quinta posição da lista.

A Samsung lançou inúmeros smartphones este ano, com a maioria dos lançamentos sendo parte da linha Galaxy A. E, de acordo com a Counterpoint Research, esses modelos da linha Galaxy A estão entre os dez smartphones mais vendidos do terceiro trimestre de 2019 em todo o mundo. Surpreendentemente, é o Samsung Galaxy A10 que foi o telefone Android mais popular da sul coreana, com o dispositivo capturando 2,6% de participação de mercado e conquistando o segundo lugar na lista geral.

O Galaxy A50, que talvez tenha recebido a recepção crítica mais positiva entre todos os lançamentos de 2019 da Samsung, seguiu em terceiro lugar na lista, capturando 1,9% do mercado. O outro dispositivo Samsung entre os dez smartphones mais vendidos foi o Galaxy A20, que conquistou o sétimo lugar com 1,4% de participação de mercado. Nenhum dos principais smartphones da Samsung fez parte da lista, apesar de assumirmos que a Note 10/10+ fará uma aparição no gráfico de vendas do quarto trimestre do ano.

Os smartphones da linha A 2019 da Samsung foram a grande surpresa da lista.

A Samsung interrompeu sua linha J e levou a linha A a níveis mais baixos de preços, atendendo uma maior gama de consumidores de várias necessidades. Os novos dispositivos vieram com especificações e recursos de design competitivos, preço acessível e um marketing forte da marca Samsung (especialmente no segmento intermediário), o que proporcionou uma excelente proposta de valor aos consumidores.

A OPPO também tem três dispositivos na lista, já que a linha A da empresa continuou bem na China e em outras regiões. A9, A5s e A5 se tornaram os modelos que carregam o pequeno portfólio da OPPO. O Huawei P30 também conseguiu um espaço no top 10. No entanto, no futuro, na ausência de Google Mobile Services, os dispositivos Huawei poderão sair dos 10 modelos mais vendidos. A Xiaomi mantém o Redmi 7A no top 10. Isso foi impulsionado pela Índia, que contribuiu para mais da metade das vendas totais do modelo durante o trimestre.

Os 10 smartphones mais vendidos do terceiro trimestre de 2019

Smartphones intermediários dominando o mercado

A contribuição de volume no sell-through total para os 10 principais smartphones combinados aumentou 9% esse ano, alcançando 17% do total de vendas em comparação com os 15% do terceiro trimestre de 2018. No entanto, a receita por atacado combinada dos 10 principais modelos diminuiu 30% ano após ano. Isso ocorre porque o número de dispositivos de nível intermediário nas principais empresas está aumentando. Havia cinco dispositivos flagship no top 10 no terceiro trimestre de 2018, mas apenas três este ano. E parte do motivo disso é a melhoria dos recursos dos dispositivos na camada intermediária no último ano.

De fato, em alguns casos, os smartphones no segmento intermediário agora estão equipados com recursos que estavam ausentes em alguns produtos do segmento premium recentemente, há um ano. Por exemplo, o Galaxy A50 da Samsung possui uma câmera tripla (25MP – 8MP – 5MP), câmera frontal de 25MP, tela de 6,4 polegadas e sensor de impressão digital na tela, enquanto o Samsung Galaxy S9, flagship de um ano atrás, tinha uma única traseira de 12MP câmera frontal de 8MP, sensor de impressão digital montado na parte traseira e uma tela de 5,8 polegadas.

Samsung Galaxy S10 5G um dos primeiros smartphones compatível com a tecnologia de rede 5G.

No entanto, o aumento das vendas de produtos de nível intermediário também levou à queda nas receitas dos principais empresas de smartphones durante o trimestre. Os lucros globais globais de aparelhos caíram 11% durante o terceiro trimestre de 2019, em comparação com o ano passado. No futuro, à medida que a implantação do 5G ganhar mais impulso, provavelmente veremos variantes 5G de dispositivos nos 10 principais modelos. Como essa pesquisa divulgada pela Strategy Analytics que aponta que a venda de Smartphones 5G devem passar 1 bilhão de unidades em 2025.

1 Comentário

Clique aqui para postar um comentário