Elon Musk revela que tentou vender a Tesla para a Apple

Vender a tesla para a apple
Musk pretendia vender a Tesla para a Apple por cerca de US$ 60 bilhões, mas Tim Cook se recusou a receber o executivo para uma reunião

Elon Musk escreveu no Twitter que tentou vender a Tesla para a Apple durante o programa do Modelo 3, que sofreu diversos problemas por meses. Inclusive, os veículos foram montados em uma tenda perto da sede da Tesla, na Califórnia. Na época, Musk comentou que a montadora estava perto de decretar falência e descreveu o processo de montagem dos veículos como um “inferno de produção e logística”. Segundo a CNN, em 2019 o Modelo 3, um sedã totalmente elétrico, foi o carro de luxo mais vendido nos Estados Unidos. 

A Tesla obteve um crescimento recorde em 2020, ultrapassando gigantes como a Toyota, General Motors, Ford, FCA, Volkswagen e Daimler. Avaliada em cerca US$ 500 bilhões a empresa é montadora com o maior valor de mercado do planeta. Mas a empresa passou por “dias sombrios” no passado e Elon Musk cogitou vender a Tesla para a Apple. Segundo Musk, a venda não foi realizada porque o CEO da Apple, Tim Cook, “se recusou a aceitar a reunião”. 

Como seria a vida de Musk se ele tivesse conseguido vender a Tesla para a Apple?

Vender a tesla para a apple
Ao menos três quartos da fortuna de Musk vem da Tesla

Em janeiro deste ano, Musk ocupava a 35ª posição no ranking da Bloomberg Billionaires, que lista as 500 pessoas mais ricas ao redor do globo. Mas em novembro o empresário conseguiu superar Bill Gates, cofundador da Microsoft, e está na segunda posição como o homem mais rico do mundo.

Musk viu sua fortuna aumentar graças à valorização da Tesla. Pelo menos 75% do patrimônio do empresário é composto por ações da montadora. Ou seja, se o executivo tivesse conseguido vender a Tesla para a Apple, provavelmente, não teria o patrimônio que possui atualmente. Segundo os tweets, a proposta de Elon Musk era vender a Tesla para a Apple por apenas 10% do valor atual da montadora, o que daria aproximadamente US$ 60 bilhões.  

Elon Musk aproveitou para alfinetar a Apple

Vender a tesla para a apple
Tesla é a fabricante de automóveis mais valiosa do mundo

Musk escreveu os tweets depois que a Reuters divulgou uma matéria revelando que a Apple pretende fabricar carros elétricos até 2024. De acordo com fontes anônimas, a Apple estaria desenvolvendo tecnologias para a produção de carros elétricos com sistema de direção autônoma. 

As fontes relataram ainda que um dos projetos da Apple é criar uma bateria monocélula. Musk aproveitou para alfinetar a empresa, destacando que a produção de uma bateria do tipo é “impossível”. “Uma bateria monocélula é eletroquimicamente impossível, pois a tensão máxima é muito baixa. Talvez eles quisessem dizer células ligadas umas às outras, como a nossa bateria estrutural?”, escreveu no Twitter. Além disso, o executivo declarou que a Tesla já usa baterias de fosfato de ferro nos carros produzidos na fábrica de Xangai, solução que também pode estar presente nos veículos elétricos da Apple.


Fonte: The Next Web; CNN; Bloomberg Billionaires Index; The Verge;

Adicionar Comentário

Clique aqui para postar um comentário