CES 2020: Divisão de smartphones da LG terá lucros em 2021, promete CEO

Celular
Em um período não muito favorável para o mercado mobile da LG, o CEO Brian Kwon, diz que as coisas mudarão no ano que vem.

O CEO da LG Electronics, Brian Kwon, disse durante uma conferência na CES 2020 (Consumer Electronics Show) que o mercado mobile da empresa mudará em 2021, se tornando lucrativo novamente.

“Os negócios móveis da LG Electronics serão lucrativos até 2021. Posso dizer que podemos fazer isso acontecer, pois a LG Electronics vai expandir sua linha de celulares e lançará novos aparelhos com fator ‘uau’ para atrair consumidores, “

disse Brian Kwon

Kwon não especificou nenhuma informação, se resumindo a dizer que lançará um produto inovador, mesmo que sua fabricação “tome mais tempo que os competidores”.

A afirmação se dá em um período não muito favorável para a empresa, considerando que ela está “no vermelho” desde o segundo semestre de 2015 no segmento de smartphones.

Recentemente, a LG mudou sua produção do Vietnã para a Coreia do Sul, procurando formas de diminuir os custos de produção de seus celulares intermediários e topos de linha.

Cenário mobile da LG ainda não é muito otimista

Brian Kwon assumiu o posto de CEO da LG numa tentativa da empresa "alavancar" o setor mobile (Foto: Reprodução)
Brian Kwon assumiu o posto de CEO da LG numa tentativa da empresa “alavancar” o setor mobile (Foto: Reprodução)

Diferente dos outros segmentos da empresa, a divisão mobile anda sofrendo com sucessivas perdas de faturamento desde o ano de 2017. No segundo semestre de 2019, houve uma perda de 75% em relação ao primeiro semestre, com prejuízos “na casa” dos US$ 268 milhões, e 21,3% menor quando comparado ao mesmo período do ano anterior.

De acordo com o relatório fiscal divulgado pela LG na época, a baixa se dá pela competitividade global no mercado móvel, especialmente do chinês (provável referência à Xiaomi), que “aplica uma política agressiva de preços e acabam conquistando o consumidor”.

Foi justamente nessas circunstâncias que Brian Kwon assumiu o posto de CEO da LG Electronics em novembro de 2019, numa tentativa da empresa de “alavancar” esse setor. Até então, ele era o diretor da divisão de dispositivos móveis da companhia.

TV que “enrola” também foi assunto da CES 2020

Brian Kwon também comentou um pouco sobre a TV OLED que estava planejada para ser lançada em 2019 (Foto: Reprodução)
Brian Kwon também comentou um pouco sobre a TV OLED que estava planejada para ser lançada em 2019 (Foto: Reprodução)

O CEO também aproveitou o momento para comentar sobre a TV de 65 polegadas OLED que enrola, justificando o porquê que ela chegará no terceiro trimestre de 2020. A ideia inicial era que suas vendas se iniciassem em 2019, mas eles postergaram para garantir que as vendas fossem bem-sucedidas.

“A TV que enrola era um produto de alto custo, então queríamos estar certos de sua confiabilidade antes de colocá-lo a venda”

disse Kwon

Esses televisores inovam por contar com uma caixa semelhante a um pequeno rack para conter a tela flexível, que é exibida apenas quando o usuário a solicita. Segundo a própria LG, a TV “rolável” é capaz de resistir até a 50.000 movimentações tanto para cima quanto para baixo.

Fonte: ZDNet e Engadget

Adicionar Comentário

Clique aqui para postar um comentário