Cabify anuncia estratégia de mercado para 2019 e novo Country Manager no Brasil

Escritório Cabify
Cabify apresenta novidades em seu negócio e projeta dobrar a operação no Brasil até o final do ano

A Cabify anunciou em um evento, na sede em São Paulo, nesta terça-feira (18), a nova estratégia para dobrar o faturamento da empresa até dezembro deste ano. As novidades da empresa para alcançar as metas foram apresentadas pelo novo Country Manager no Brasil, Pedro Meduna. Além disso, foi inaugurado a reformulação do escritório da marca em São Paulo, que ganhou uma arquitetura mais sustentável.

Desde 2016, Pedro Meduna liderou a integração global com a Easy e, mais recentemente, a fundação de uma fintech do grupo chamada Lana
Novo Country Manager da Cabify, Pedro Meduna

O novo momento da empresa está alinhado com o plano da Cabify de construir uma plataforma de mobilidade como serviço (MaaS – Mobility as a Service). A empresa reforçou a integração com o aplicativo da Easy – que integra o Grupo Maxi Mobility – e, em breve, a opção de utilizar patinetes elétricos por meio da Movo, startup espanhola de micro-mobilidade urbana que está chegando ao Brasil. Outro ponto estratégico apresentado pela Cabify foram os novos meios de pagamento, como débito e dinheiro. Com isso, a empresa consolida seu plano em se tornar uma plataforma que oferece um serviço de mobilidade urbana completo e integrado.

“Essas mudanças refletem o objetivo da Cabify em oferecer uma escolha inteligente aos seus usuários e motoristas parceiros, oferecendo o melhor atendimento e custo benefício. Queremos dobrar a nossa operação no Brasil até o final do ano”.

Pedro Meduna, novo Country Manager da Cabify no Brasil.

Desde 2016, Pedro Meduna liderou a integração global com a Easy e, mais recentemente, a fundação de uma fintech do grupo chamada Lana que já está em fase de piloto nos mercados do México e Chile. Agora, Meduna chega para desenvolver o negócio no Brasil, um dos mercados mais relevantes na operação da plataforma.

A ampliação dos métodos de pagamento das corridas para débito e dinheiro em todo Brasil aumenta ainda mais o leque de opções para os usuários que ainda não possuem cartão de crédito. A utilização do débito é simples: basta o usuário cadastrar o número do cartão que a cobrança será feita automaticamente, sem necessidade de maquininha ou senha. De acordo com uma pesquisa realizada pelo Banco Central (BC) em 2018, o uso do cartão de débito no Brasil aumentou sua representatividade para 20% do faturamento do comércio, sobre 14% em 2013, mas os pagamentos em dinheiro seguiram na liderança, representando 50% do faturamento do comércio.

“Já estamos operando com débito com alguns bancos e o dinheiro que foi algo que conservamos muito em nossa operação no país por conta da segurança dos nossos motoristas e usuários. Mas esse foi um pedido tanto dos nossos motoristas. Por isso, agora os motoristas terão a opção para aceitar dinheiro (Cash)”

Pedro Meduna, novo Country Manager da Cabify no Brasil.
Desde 2016, Pedro Meduna liderou a integração global com a Easy e, mais recentemente, a fundação de uma fintech do grupo chamada Lana
Desde 2016, Pedro Meduna liderou a integração global com a Easy e, mais recentemente, a fundação de uma fintech do grupo chamada Lana

Além disso, a Cabify anuncia a abertura do pagamento em dinheiro, o “Cash”. Sendo opcional aos motoristas parceiros, é possível habilitar ou desabilitar a função, dando a eles a possibilidade de escolher sua preferência em relação ao método de pagamento, garantindo sua comodidade e segurança. A empresa trabalhou em colaboração com as prefeituras para mapear áreas e horários de risco, restringindo, assim, a liberação desse recurso para determinados locais e horários. A opção de pagamento em dinheiro não é válida para corridas corporativas.

Cabify vai oferecer corridas mais baratas

Buscando oferecer o melhor custo-benefício do mercado, a empresa também está anunciando ajustes no valor das corridas e a mais baixa taxa paga pelos motoristas parceiros. De maneira faseada, as mudanças já entraram em vigor em Curitiba, Santos, Campinas, Brasília, Belo Horizonte e Porto Alegre, respectivamente. Agora, as cidades de São Paulo e Rio de Janeiro recebem as novidades, concluindo todas as cidades que atuam com carros particulares no Brasil.

Na capital paulista a diferença no valor das corridas para passageiros pode chegar a 25% (do valor antes praticado), dependendo do trânsito e horário de realização do percurso. Já a taxa paga pelos motoristas parceiros passou de 25% para 10%, em todos os horários. No Rio, o custo das viagens para passageiros tiveram uma média de 23% de redução. Para os condutores, nos horários considerados de pico – segunda a sexta-feira, das 7h às 8h59 e das 17h às 18h59 – a tarifa cobrada será apenas de 7% do valor da corrida. Nos demais horários a taxa paga será de 12%.

Com o Cabify, o usuário pode configurar no aplicativo preferências como rádio predileta, opção de ar condicionado on ou off
Com o Cabify, o usuário pode configurar no aplicativo preferências como rádio predileta, opção de ar condicionado on ou off

No começo do ano, o aplicativo ganhou a opção de deixar gorjetas aos motoristas pelo bom atendimento. O passageiro que avaliar o condutor com 5 estrelas tem a opção de deixar R$ 1, R$ 3 ou R$ 5 reais de gratificação. A plataforma também permite aos passageiros uma experiência Cabify personalizável. Ao solicitar sua corrida, o usuário consegue configurar no aplicativo preferências como rádio predileta, opção de ar condicionado on ou off e ainda sinalizar se está disponível para um bate papo.

Para cumprir todos esses objetivos, a empresa investirá mais de 20 milhões de dólares adicionais para dobrar sua equipe de tecnologia em São Paulo ao longo dos próximos 5 anos. Este centro de desenvolvimento estará focado em iniciativas para melhorar a segurança e a confiança de passageiros e motoristas, pagamentos em dinheiro, controle de fraude e recrutamento e treinamento de motoristas.

“A oportunidade de ter uma equipe focada em questões regionais em um dos maiores pólos de tecnologia do mundo é única para a diferenciação da empresa. Nosso compromisso com o talento brasileiro é a longo prazo”,

Pedro Meduna, novo Country Manager da Cabify no Brasil.

Responsabilidade socioambiental

A Cabify mantém o compromisso de possuir ações dedicadas à responsabilidade socioambiental e, desde 2018, é signatária do Pacto Global da ONU, estando alinhada com Objetivos de Desenvolvimento Sustentável, definidos pela organização, sendo a primeira MaaS na América Latina a compensar 100% das emissões de CO2 geradas em sua operação. O compromisso da Cabify tem um grande impacto nas atividades locais das florestas e contribui para um projeto que protege 5,3 milhões de árvores.

“O Brasil deve ser um país que exerça um cargo ainda mais de liderança nesse setor. Em 2019, estamos levantando essa bandeira para a sustentabilidade. Todo o nosso transporte está sendo neutro em gás carbono. Nós somos a empresa líder que assinou o Pacto Global da ONU para termos uma agenda até 2030, para a compensação de gás carbono. Estamos buscando parceiros estratégicos para que essa agenda aumente cada vez mais”.

Pedro Meduna, novo Country Manager da Cabify no Brasil.

Buscando ampliar suas iniciativas sustentáveis, a empresa projetou seu escritório no Brasil, com o propósito de criar um espaço que reflete os valores da empresa, especialmente relacionados à sustentabilidade. O projeto seguiu os padrões de sustentabilidade alinhados com os conceitos das certificações ambientais LEED, que estuda reduzir e eliminar os impactos negativos sociais, ambientais e econômicos na construção e operação das edificações, e WELL, que visa a saúde, qualidade de vida e bem-estar dos ocupantes desses edifícios.

“A revitalização do escritório refletindo nosso foco em sustentabilidade é apenas mais um passo que estamos dando nessa direção. Entendemos que atrelar a nossa marca e nossas ações a uma agenda sustentável é algo ainda novo no Brasil, mas nos orgulhamos desse movimento e já somos procurados por outras empresas para discutir alianças e fechar contratos corporativos para que estas também façam parte desse movimento”.

Wellington Pereira Diretor Financeiro e de Pride & Talent, responsável pelo novo escritório.

Escritório sustentável

O escritório da Cabify no Brasil segue conceitos de sustentabilidade que privilegiam espaços colaborativos.
O escritório da Cabify no Brasil segue conceitos de sustentabilidade que privilegiam espaços colaborativos.

O escritório da Cabify no Brasil está de cara nova. Seguindo conceitos de sustentabilidade e critérios que privilegiam espaços colaborativos, o projeto conta com aproveitamento da luz natural, iluminação inteligente, móveis feitos de madeira sustentável e de reflorestamento e uma grama reciclada, refletindo os valores da empresa, especialmente relacionados ao meio ambiente. A mudança vai ao encontro à nova estratégia de negócios da empresa no Brasil e ao posicionamento global da companhia “Escolhas Inteligentes”, que busca ser um importante agente na construção de um modelo de mobilidade mais eficaz e sustentável para os centros urbanos.

Adicionar Comentário

Clique aqui para postar um comentário

Deixe uma resposta