Aplicativo Carrefour vai ganhar programa de recompensas após resultados da pandemia

O aplicativo Carrefour ganhou algumas funções além de um programa de recompensa
Empresa diz que mais de 20 milhões de clientes já são cadastrados no aplicativo Carrefour; programa de recompensa deve beneficiar quem gasta acima de R$ 100

Em evento virtual nesta quinta-feira (29), o Carrefour anunciou diversas iniciativas de transformação digital com base nos resultados da pandemia do novo coronavírus. Além de um novo aplicativo Carrefour, que une todo o ecossistema do grupo, a empresa também anunciou um programa de recompensas que promete retribuir o cliente conforme o comportamento de consumo deles.

“Hoje lançamos uma estratégia que posiciona o Carrefour à frente das marcas concorrentes do mercado do varejo. Este é um projeto que conecta todos os canais do grupo em um movimento todo personalizado e que tem o consumidor no centro”, disse o CEO do Carrefour Varejo, Luis Moreno.

Quatro executivos apresentaram informações geradas a partir do perfil do consumidor que frequentou as lojas do Carrefour durante o período de distanciamento social.

Segundo eles, o isolamento rígido mudou algo muito característico do brasileiro que é o de ir em várias lojas com o objetivo de comparar preços e aproveitar promoções. Hoje, as pessoas preferem ir em um único lugar e comprar tudo que precisam.

Com isso, a empresa planejou ações para que suas lojas fossem lugares onde o público encontrasse tudo, iniciando e concluindo a jornada de compra, tendo a segurança como base neste momento crítico.

“Congelamos o preço dos produtos da nossa marca própria para garantir que os clientes tivessem acesso aos itens essenciais a um custo baixo. Então, em um hipermercado ou uma loja de bairro, o preço de alguns produtos era o mesmo”, lembrou Silvana Balbo, diretora de Marketing.

Agora, com resultados mais concretos e que a empresa acredita que deve se manter por um longo período, foi possível ampliar a estratégia comercial e mudar muito do que as marcas do grupo vinham planejando até agora.

Isso altera, por exemplo, a estratégia de promoções que duravam um ou dois dias. Com o slogan “economia todo dia”, a marca passa a investir em ofertas que duram até uma semana para que os clientes não percam o que mais lhe interessa.

Novo aplicativo Carrefour

O aplicativo carrefour estará disponível nas lojas de aplicativos a partir de 3 de novembro
Aplicativo Carrefour vai ganhar programa de recompensas após resultados da pandemia

Nesta leva de resultados, os executivos anunciaram uma atualização no aplicativo Meu Carrefour que hoje, de acordo com eles, já tem mais de 20 milhões de usuários cadastrados.

Disponível a partir de 3 de novembro, a empresa investiu em estratégias virtuais que visam personalizar o aplicativo, de acordo com cada cliente. Desta forma, os consumidores devem encontrar o mesmo tom de voz, independente de qual serviço do grupo ele usa mais, seja posto de combustível ou drogaria.

“Estamos trazendo para o aplicativo uma série de elementos que estão alinhados aos nossos outros canais de conexão com o cliente. Tudo com uma tecnologia 100% própria que deve ser integrada aos nossos parceiros também”, garante Luiz Rufino, diretor de omnicanalidade, digital e inovação.

Por isso, o aplicativo Carrefour passa a ter várias ferramentas além das funções básicas e conhecidas, como as promoções. Ele deve receber o banco Carrefour, que é a frente de soluções financeiras; o Scan&Go, para que os consumidores paguem suas compras sem necessidade de filas; o leitor de preços, que já existe e permite que os clientes consultem o valor dos produtos na loja, caso seja necessário; e integração com o Cybercook, o site de receitas do grupo Carrefour.

Neste último, sempre que o usuário pesquisar por um ingrediente no aplicativo Carrefour, ele vai sugerir uma receita do Cybercook contendo aquele item, além de dicas de reaproveitamento de alimentos.

Programa de recompensas

Aos jornalistas, os executivos anteciparam o lançamento de um programa de recompensas próprio e que se destaca pela personalização para o perfil de cada cliente.

Muito parecido com o programa de pontos de concorrentes, como o Grupo Pão de Açucar, os cadastrados possuem metas mensais a serem batidas. Conforme elas são atingidas, eles ganham uma moeda que pode ser trocada por produtos ou vouchers de compras.

Serão 3 metas mensais: para compras de R$ 100, R$ 200 e R$ 300. Ao atingir as três moedas, o programa garante mais uma de brinde, alcançando a quarta moeda mensal. A troca pode ser feita também em empresas parceiras, como O Boticário, Outback, Mobly, Chilli Beans e Cornershop.

Para garantir uma forte adesão ao programa, no lançamento, a empresa vai oferecer a primeira moeda para compras a partir de R$ 15, garantindo que os clientes se interessem pelo projeto.

“É um programa de vantagens muito focado no cliente, pois o Carrefour quer entregar aquilo que o consumidor precisa. Além disso, queremos retribuir a preferência que eles deram a nossa marca para as compras”, falou Tatiana Mazza, diretora de transformação digital.

As compras feitas pelo site do Carrefour também estão participando do programa de recompensas, inclusive as realizadas pelo marketplace, em lojas que usam a plataforma para vendas.

No entanto, apesar de fazer parte do grupo, o Atacadão não está incluso nesta nova estratégia. “O perfil do público é diferente. Estamos anunciando medidas para o setor varejista”, afirmou Moreno, que coordena a área.

Scan&Go pelo aplicativo Carrefour

Aplicativo Carrefour vai ganhar programa de recompensas após resultados da pandemia Empresa diz que mais de 20 milhões de clientes já são cadastrados no aplicativo Carrefour; programa de recompensa deve beneficiar quem gasta acima de R$ 100
Aplicativo Carrefour vai ganhar programa de recompensas após resultados da pandemia

A função Scan&Go, que estará disponível no novo aplicativo Carrefour, promete melhorar a experiência do cliente em 30 unidades da rede Express, que são menores e localizadas em pontos estratégicos. Até o final do ano, ela vai promover uma compra autônoma aos clientes, sem a necessidade de se pegar filas do caixa para pagar as compras.

Com o celular, o consumidor aponta a câmera, lê o código de barras e faz o pagamento pelo próprio app. Esta não é uma função nova e mostra mais um passo que as empresas estão dando para aproveitar o potencial do digital ampliando a satisfação dos consumidores.

Adicionar Comentário

Clique aqui para postar um comentário