Amazon lançará frota de 100.000 veículos elétricos de entrega em 2021

Os veículos elétricos da Amazon chegarão em 2021 (Foto: Reprodução)
Como parte dos esforços da Amazon para cumprir o Acordo de Paris e não emitir mais gases poluentes, as vans elétricas chegarão em 2021.

A Amazon assume o compromisso de reduzir a emissão de poluentes atmosféricos, e colocará nas ruas uma frota de veículos de entrega completamente elétricos em 2021. A produção está sendo feita pela Rivian, que é um empresa especializada em veículos elétricos. O anúncio faz parte dos esforços para cumprir o compromisso climático da empresa o Climate Pledge, que estabelece a meta de cumprir o Acordo de Paris até 2040.

A Amazon quer que a companhia funcione somente com energia renovável até 2030, e seja carbono zero até 2040. Já o Acordo de Paris determina ambos para as empresas até 2050.

“Estamos tentando construir a frota de transporte mais sustentável do mundo. Ela também precisa ser funcional, ter o melhor e o mais seguro desempenho”.

diz Ross Rachey, diretor de produtos da Amazon

Sustentabilidade e alto desempenho

Ao longo de 18 meses, a equipe de transportes da Amazon trabalhou meticulosamente para dar uma variedade de opções de veículos elétricos que não emitissem carbono.

Como a equipe de Rachey teve um período muito curto para conseguirem cumprir o prazo estabelecido, eles saíram das opções convencionais e desenvolveram um veículo elétrico totalmente customizável.

Caso a experiência com as vans seja bem sucedida, ela reduzirá de forma significativa a emissão de gases de carbono, vai aumentar a segurança dos passageiros, trará tecnologia e outros elementos para a melhor experiência possível.

As vans também vêm em três tamanhos e trabalham com múltiplas baterias para conseguirem atender rotas específicas. Segundo R.J Scaringe, o CEO da Rivian, há um compromisso muito grande com a eficiência.

“Estamos focados em ter eficiência em todos os aspectos do design do veículo – tudo, desde o aquecimento da cabine até a direção ergonômica foi otimizado pensando em tempo e energia.”

R.J Scaringe

Amazon e o Acordo de Paris

Jeff Bezos anunciou que o Acordo de Paris será cumprido pela Amazon dez anos antes do previsto pela ONU (Foto: Reprodução)
Jeff Bezos anunciou que o Acordo de Paris será cumprido pela Amazon dez anos antes do previsto pela ONU (Foto: Reprodução)

Jeff Bezos, o CEO da Amazon, diz que as grandes empresas podem “fazer a diferença” no meio ambiente caso sigam o protocolo do Acordo de Paris.

“Decidimos usar nosso tamanho e escala para fazer a diferença. Se uma empresa com tanta infraestrutura física quanto a Amazon – que entrega mais de 10 bilhões de itens por ano – pode cumprir o Acordo de Paris dez anos antes, qualquer empresa pode. Grandes empresas que assinarem o Climate Pledge enviarão um sinal importante ao mercado de que é hora de investir nos produtos e serviços que os signatários precisam para cumprir seus compromissos”

Jeff Bezos

Vale dizer que o Acordo de Paris é um tratado no âmbito da Convenção-Quadro das Nações Unidas sobre a Mudança do Clima que rege medidas de redução de emissão de gases estufa a partir de 2020, a fim de conter o aquecimento global e reforçar a capacidade dos países de responder ao desafio em um contexto sustentável.

O acordo foi negociado em Paris, durante a COP21, e aprovado no dia 12 de dezembro de 2015.

Fonte: Interesting Engineering

Adicionar Comentário

Clique aqui para postar um comentário

Deixe um comentário: